domingo, 30 de mayo de 2010

Tem dias...

Essa moda de coletes pegaaaaaaaa... Estou adorando, vários tipos, vários modelos.

Coloquei uma blusa cinza clarinha, calça jeans preta, bota marrom e o colete vinho, para dar um charme especial, amarrei um lenço como se fosse um cordão... Achei que ficou legal, tom sobre tom, que vocês acharam??

E não sei se da para notar, mas cortei o cabelo, rsss.

N.


sábado, 29 de mayo de 2010


Post-homenagem

Alunos ouvem atentos dica da professora!

A moça querida é uma das melhores professoras que eu tenho. Ela é a única que está com a turma em praticamente todos os semestres - e muito provavelmente terá papel importante na formatura.Desde a primeira vez, eu brinco com a sua semelhança com Astrid Fontenelli (jornalista), rs. E ela sempre veste uns looks do dia a dia simples e fica um charme - talvez até seja o meu olhar de admiradora! (Não, eu não puxo o saco dela, se é isso que está parecendo)
S.M. é produtora de um programa na TV. Super a cara dela, pois fala de cultura. Nunca nem cheguei a lhe pedir estágio na cara dura - como muitos coleguinhas fazem. Também é a única que sai pra tomar umas com a turma - adoramos.
Vestindo saia e tênis - adoooro!
E rindo de ter que posar para o blog, kkkkk...

Pedir que ela seja minha orientadora no TCC seria um pouco demais porquê uma de minhas colegas já manifestou o interesse em tê-la. E bem, esse post-homenagem é só pra dizer que eu topo ser sua amiga pro resto da vida, S., rsrs.

M.


jueves, 27 de mayo de 2010

O Laço e o Abraço

Meu Deus! Como é engraçado!
Eu nunca tinha reparado como é curioso um laço... uma fita dando voltas?
Enrosca-se, mas não se embola, vira, revira, circula e pronto: está dado o laço.
É assim que é o abraço: coração com coração, tudo isso cercado de braço.
É assim que é o laço: um abraço no presente, no cabelo, no vestido, em qualquer coisa onde o faço.
E quando puxo uma ponta, o que é que acontece?
Vai escorregando... devagarzinho, desmancha, desfaz o abraço.
Solta o presente, o cabelo, fica solto no vestido.
E, na fita, que curioso, não faltou nem um pedaço.
Ah! Então, é assim o amor, a amizade.
Tudo que é sentimento? Como um pedaço de fita?
Enrosca, segura um pouquinho, mas pode se desfazer a qualquer hora, deixando livre as duas bandas do laço.
Por isso é que se diz: laço afetivo, laço de amizade.
E quando alguém briga, então se diz: romperam-se os laços. E saem as duas partes, igual meus pedaços de fita, sem perder nenhum pedaço.
Então o amor é isso... Não prende, não escraviza, não aperta, não sufoca.
Porque quando vira nó, já deixou de ser um laço.
(A.D.)
Eu amo esse poema, e buscando no google dá diferentes resultados de autores, assim, que se alguém souber com certeza a autoria, me avisa.
Hoje um look cheio de laços e abraços pras minha tagarelas!

Beijos,
J.


À francesa...

Ensaio "La belle", rs. 'Diário de uma pseudo-francesinha', kkkkk...
Me inspirei em fotos que já vi de blogueiras francesas e tal. Gostei de fazer, por que fiz despretensiosamente.No look, as peças que eu tenho em mãos, então não liguem se o sapato não devia ser exatamente esse, e a falta de meia-calça - não encontrei nenhuma que "funcionasse".
A blusa (sobreposição), pra variar, é antiga, o tecido imita renda com transparência - detalhe que as francesas usam muito.

Beijos,
M.


miércoles, 26 de mayo de 2010



(Nem vou comentar da inveja marrom que tou sentindo de J. pela ida proveitosa à praia por que isso não vem ao caso, kkkkkkkk...)

Ai, meninas, sim, básica no dia a dia é o que há, viu?! Não tem como. No máximo colocar um pouco de cor, e usar, inesperadamente, uma sandália que tava no baú. Minha companheira desde 2005/2006. E ela é tã macia, que nem parece que é plataforma. Não tem dor na perna, nada. Deu até pra descontrair na faculdade, brincando com amiga pequena como eu, dizendo que ela estava anã, kkkkk...

Bem, e olha o detalhe; tou me sentindo a Maegan, kkkkk, com essa correntinha (é esse o nome mesmo?) no tornozelo - se bem que a Maegan tem é uma tatuagem no lugar.
A correntinha - com pingente de maçã - também é velha amiga, que vem desde os tempos de "SumPaulo" (2003, acho), comprada de uma colega da faculdade. Pouco uso, também não sei ao certo porquê.
A bolsa de croche ERA da minha dinda, kkkk, que, sou ré confessa, peguei pra mim! Kkkkk... Mas deus há de me perdoar, pois era uma bolsa que ela nem ligava.Gosto de peças assim, que carregam consigo uma história, um momento, tal e qual podemos até não lembrar totalmente, mas fica naquela memória escondidinha que tem cor, cheiro e sabor de saudade.

M.

martes, 25 de mayo de 2010

Enfim... praia!

Como disse no bate-papo dos comentários, fim de semana ia rolar, e rolou praia até eu dizer "tá bom!" (para praia eu nunca vou dizer: "chega!"). Poupo vocês de uma foto minha de biquini, mas posto uma fotinha da praia, que é linda (pena que a agua do mar congela!).
E um look já da semana, voltando com todo gás ao trabalho e um pouco mais bronzeada. Já tá chovendo outra vez, mas dizem que sabado abre o sol outra vez. Tomara!
Tô querendo muito um vestido assim como essa blusa. De babadinhos. Acho super fofo, e ainda disfarça a barriguinha.
O pé da ogra aqui e outros detalhes do look:
Beijos,
J.

lilás + amarelo

Vamos fugir do básicão, M.? Vamos!
Rai-ai. Eu sentia que precisava fugir da blusa branca básicona, e apostei no amarelinho. Umas pulseirinhas aqui, uma sapatilha ali, uma flor acolá.
Ou senão, uma sobreposição com tons próximos.Talvez a sapatilha não tenha sido a escolha certa, mas eu só quis deixar alguma peça neutra pra não ficar parecendo uma árvore de natal.

M.


sábado, 22 de mayo de 2010

As meias estão em alta!

Aproveitei o look da filhota para fazer um novo post.
Eis a meia fina prevalecendo, essa era chamada de "arrastão", mas não sei se continua sendo esse nome, - ela é uma telinha fina, com buraquinhos pequenos -, um charme. Combinando, short tipo "saruel" e a montagem com três cintos diferentes, formando um conjunto harmonioso. A blusa de baixo é verde escura, como dizem, estilo militar. O toque final foi a echarpe com cachinhos de uva.

Dias mais frios aqui no Rio de Janeiro deixam a criatividade a mil por hora.

Beijos e um ótimo domingo, tagarelas.

N.


viernes, 21 de mayo de 2010

Panamá made in China

Eu adoro chapéu e acho um charme quem usa. Tenho uns 5 em casa e nunca lembro deles. Mas tava só esperando o sol chegar pra estrear meu panamá. Achei numa loja bacana e morri de rir quando na etiqueta tinha o "made in china". Mas é panamá e ponto! Ontem usei assim:
Abusada que sou, fui trabalhar de salto. Depois fui fazer supermercado. Cheguei em casa como??? Mortaaaaa.!!! Prefiro ser mulher moderna de rasteirinha, viu? Salto só pra passear!
Enfim... o look é básico. Mas eu amei. Saí de casa me achando poderosa! kkkk...
Beijos
J.

jueves, 20 de mayo de 2010

O calor voltou!!

Incrível como o sol muda a minha vida! Bom humor reinando! Até andar em um ônibus lotado me faz sorrir. Que vontade eu tinha de morrer de calor! E dizem por aí que vai durar tooooda a semana! kkkkkk... Para aqueles que dizem que não repito roupa (quem me dera!), um mix de roupas já mostradas por aqui. A única coisa nova é minha bolsa xodó. Me apaixonei quando a vi. Bem primavera-verão! E um colar divertido que já tenho faz algum tempo, mas nunca tinha mostrado. Um pirulito pra adoçar o look super básico.
Beijos,
J.

Rá-rá-rá! Olha eu de mocinha, pensando que sou gente!
Paquerei essa saia de longe por um bom tempo de uma lojinha no bairro vizinho. E aacho que finalmente encontrei a peça que completa meu peep toe tão lindamente, rs. Essa saia, aaah, essa saia tava ali me chamando, e ainda o precinho irresistível, quem guenta? (Prometo que vou me aventurar na 'Av. Sete' qualquer dia, hehehe) Hahahaha... E aí, para usá-la pela primeira vez troquei o sapato, optei pela sandália.
M.


miércoles, 19 de mayo de 2010

Corte-lhe a cabeça!

Huhauhuahuahuhauhau... Depois que tirei essa foto, de cara me vi igual a Rainha Vermelha (pequena e cabeçuda!), hahahaha - olha o cabeção! Fala sério!

Fui ver o filme do Tim Burton e posso dizer que não gostei tanto - o mesmo sentimento de A fantástica fábrica de chocolate. Nunca li a história da Alice por inteiro e nem li livros. Mas essa versão meio horripilante me deixou a pensar, pois percebi nos personagens uma humanização sombria. O que é aquele chapeleiro? Credo. Essas maquiagens estranhas não fazem minha cabeça.
Mas, enfim. Muitas risadas depois, a vida grita e eu preciso correr igual o coelho: não vai dar tempo, não vai dar tempo!

A peça preta é na verdade um coletinho que vesti ao contrário, e adorei os babadinhos disfarçando minha barriga!
Corte-lhe a barriga! Kkkkkkk...

M.


martes, 18 de mayo de 2010

Eu e Paris, um caso de amor

Depois de um longo período sem poder postar, eis que surjo "euzinha" das cinzas... Essas fotos foram tiradas na viagem que fiz a Paris, da qual tanto falei para vocês. Conheci a Torre Eiffel, linda, majestosa e fiz literalmente a festa... Tirei muitas fotos, deitei na grama e peguei um solzinho delicioso.
Nunca imaginei que Paris fosse um lugar tão lindo. Todos falavam isso, mas sempre pensei que estavam exagerando, fazendo charme... Mas sem dúvida é muito mais que lindo, é maravilhoso. Flores para todos os lados, é primavera!!

Não sei se vocês gostaram dos looks, mas me esforcei para ser uma Tagarela à altura desse blog.

N.


Domingo no parque

J. girando
Oi girando!
Oi, na roda gigante
Oi, girando!
Oi, na roda gigante
Oi, girando!


Ô, final de semana bom! Durou até segunda-feira, que foi feriado/festa na cidade. Aproveitei, juntei as crianças de la familia e fomos todos pro parque! Com direito a algodão doce, sorvete e muita risada! Na segunda estava toda quebrada! Jurei que podia acompanhar o pique da moçada, né?
E uma fotinha tirada do alto da roda gigante. Que visual!
Beijos,
J.


sábado, 15 de mayo de 2010

"Dance bem, dance mal, dance sem parar!"

Eita caloooor!
Hahaha, nesse dia eu aumentei o som com As Frenéticas.Tava querendo uma maneira de usar essa blusa com estampa de flores. Coloquei cintos, mas não dava certo. Amarrei na lateral como fez J., que seguiu dica da Oficina de Estilo, mas também não deu certo. Tou pensando em encurtar por que ela é TAM G. Mas pensando bem, pelo menos ainda posso usá-la com sobreposição!

M.